ENEM: Estude no exterior!

ENEM.

Diz o ditado: “Passarinho que acorda cedo, bebe água limpa”.

Nesse sentido, se você já está se preparando para o ENEM, parabéns!

Saiba que esta antecipação pode levar você ao pódio, pois quanto mais cedo você se preparar, maiores serão suas chances de aprovação.

Inegavelmente, não podemos dar tiros no escuro, nem atrair o que desejamos, se não sabemos exatamente o que estamos procurando. Nesse sentido, pergunto:

Você já sabe qual curso ou instituição deseja cursar?

Sem dúvida, parece cedo para se perguntar a respeito. Porém, essas perguntas acabam sendo comuns na vida de diversos estudantes durante o ano todo.

Inegavelmente, a maioria sabe da importância de se fazer a escolha certa quando o assunto é ensino superior, pois na maioria dos casos, é a profissão que seguirá em boa parte da vida.

Contudo, o que muitos acabam não tendo conhecimento, é que além de instituições nacionais, é possível garantir uma vaga através do ENEM, em grandes universidades internacionais.

Aliás, já comentei uma vez aqui no blog, sobre algumas instituições que aceitam a nota do ENEM. Contudo, hoje venho falar a respeito de universidades de um lugar especifico: Portugal.

Nossos irmãos portugueses recebem anualmente centenas de estudantes brasileiros em suas instituições de ensino superior. De acordo com dados do MEC, estima-se que cerca de 1200 brasileiros já ingressaram em universidades portuguesas através do ENEM.

Essa parceria foi oficializada em 2014, devido ao fato de que muitas instituições portuguesas já consideravam a nota do ENEM como forma de admissão nas mais diversas áreas de graduação.

Dessa forma, não demorou muito para que o acordo sofresse mudanças e começa-se em 2016, a incluir instituições privadas na lista de parcerias do ENEM.  

Atualmente, 37 instituições de ensino superior aceitam a nota do ENEM e recebem alunos brasileiros em suas salas de aula, ou seja, oportunidades não faltam.

Conheça as instituições

Confira abaixo, a lista atualizada de universidades portuguesas que aceitam a nota do ENEM:

Garanta sua vaga através do ENEM 2019

Com toda a certeza, a cada ano que passa o ENEM vem se tornando mais concorrido. Assim sendo, é preciso uma boa preparação para a avaliação, caso deseje ingressar em uma boa instituição de ensino.

No entanto, entendo que nem sempre é possível ter um bom rendimento com os estudos, devido a alguns imprevistos. Dessa forma, separei duas dicas que se seguidas, farão com que seus estudos se tornem mais simples, contudo, mantendo a qualidade e eficiência.

Plano de estudos

Por analogia, a primeira e mais importante dica, é que antes de qualquer ação, você precisa montar um bom plano de estudos. Em princípio, ele precisa conter tudo o que precisa ser estudado, os horários de dedicação, e principalmente, incluir o processo de memorização.

Encaixando suas atividades, juntamente com seu tempo livre e ocupado, você conseguirá ter um controle maior de suas ações, estabelecendo uma relação de compromisso e evitando a procrastinação.

Por analogia, para você ter uma noção maior de como elaborar um bom plano de estudos, vou deixar como extra um artigo na qual explico passo a passo, como você pode elaborar um planejamento que supra suas necessidades e não sobrecarregue sua rotina.

Tenho certeza de que irá ajudar em sua preparação para o ENEM.

Flashcards

Desenvolvida na década de 1970, por Sebastian Leitner, a técnica resumidamente consiste em fazer um pequeno cartão, onde de um lado você escreve uma pergunta, e em seu verso sua resposta.

Logo após você ter feitos os cartões, você deverá separá-los em três caixas:

  • Na primeira, você colocará os cartões que possui maior grau de dificuldade para recordar as respostas;
  • Na segunda, você deve colocar os cartões a qual se lembra das respostas, porém ainda possui dúvidas a respeito.
  • Na terceira e última caixa, você colocará os cartões cuja respostas já conhece totalmente e tem total domínio.

Em suma, os cartões da primeira caixa devem ser revisados uma vez por dia. Já os cartões da segunda caixa, devem ser revisados a cada três dias. Por fim, os cartões da última caixa, devem ser revisados a cada cinco dias.

Em princípio, quando todos os cartões estiverem na caixa três, significará que todo o conteúdo foi consolidado na sua memória de longa duração e estará pronto para ser utilizado.

Para você ter uma noção maior de como executar a técnica em seus estudos para o ENEM, estou deixando abaixo um vídeo explicando passo a passo, como você pode elaborar seus próprios flashcards e incrementá-los em sua rotina de estudos.

Conclusão

Sem dúvida, estudar fora do país antes era praticamente uma utopia e fugia da realidade de muitas pessoas. Entretanto, como vimos, atualmente basta você ter dedicação e empenho em se sair bem com seus estudos, que esse sonho se torna realidade.

Portanto, espero que aproveite este artigo, e comece agora mesmo a sua preparação para o ENEM. Além disso, espero também que caso estivesse sem um rumo definido com os estudos, essa oportunidade de estudar fora tenha despertado em você uma nova ambição.

Decerto hoje em dia, a principal e única diferença entre quem alcança a realização de um sonho ou a chance de mudar de vida, e quem fracassa, é a força de vontade e o desejo em mudar.

Portanto, não fique para trás! Vá atrás de novas oportunidades e use os recursos a sua volta como apoio para isso.

Em conclusão, tendo empenho em mudar, acrescentando uma boa mentoria, você perceberá que em pouco tempo, terá conquistado muito mais que uma bolsa de estudos em Portugal.

Ah, eu adoraria saber sua opinião sobre o assunto do artigo e temas relacionados. Prometo que vou ler cada um dos comentários e responder, combinado?

Viva bem. Lembre bem.

Renato Alves.

2 Comentários


  1. Gostei muito pela orientação. Quero mais informações!

    Responder

    1. Alberto, fico feliz em ver que o artigo te ajudou. Você pode receber mais informações a respeito das Instituições de Ensino, clicando em seu nome 😉 Abraços.

      Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *