Tragédia provocada por esquecimentos

Você já se perguntou o quanto é comum uma tragédia provocada por esquecimentos? Não? Infelizmente isso é muito comum, e ocorre todos os dias a todo momento.

Infelizmente, uma tragédia provocada por esquecimentos é mais comum do que gostaríamos

Você lembra do caso do bebê que foi esquecido pelo pai dentro do carro e acabou morrendo chocou o país?

O pequeno André não resistiu às queimaduras e morreu desidratado, após permanecer cinco horas dentro de um carro.

É difícil imaginar a dor desse pai, mas não é difícil entender como a vida corrida dos tempos modernos pode criar situações de esquecimento, estresse e tragédia.

Segundo psiquiatras, em situações de stress e fadiga, o aparelho mental pode falhar e uma tragédia provocada por esquecimentos pode estar prestes a acontecer.

A rotina de quem vive em cidade grande é correr o dia todo para dar conta de tanto compromisso. O excesso de tarefas faz nosso cérebro ficar alerta o tempo todo.

“Em situações de stress e fadiga, o aparelho mental poderá falhar”, explica Jair Mari, psiquiatra da Unifesp.

Para Carlos Legal, essa falha na memória provocou uma tragédia.

“Ele quebrou a rotina, e nessa quebra de rotina, ligou o piloto automático”, observa a delegada Adanzil Limonta.

O bebê ficou na cadeirinha, dentro do carro, em frente à academia, por cinco horas. Ninguém conseguiu vê-lo porque os vidros do carro são escuros. Carlos só se deu conta do esquecimento quando se sentiu mal e foi pegar o carro para ir no médico.

A mãe chorou muito, mas consolou o marido, que estava se sentindo culpado.

Cadastre-se e receba dicas e materiais toda semana

Obrigado por realizar sua inscrição, acesse seu e-mail e confirme sua cadastro.

Os pais do bebê irão prestar depoimento à polícia. Carlos pode ser indiciado por homicídio culposo, sem intenção de matar. Mas ele pode ser beneficiado pelo perdão judicial.

“Quando as conseqüências do fato criminoso atingirem tão gravemente o próprio infrator, o juiz pode dispensar a aplicação da pena, ele não é obrigado a aplicar a pena”, pondera Celso Limongi, presidente do Tribunal de Justiça de São Paulo.

Carlos está internado em estado de choque. A mãe, também muito abalada, disse que já perdoou o marido. Também comentou que Carlos vinha tendo pesadelos relacionados à morte.

Os sonhos podem ter sido uma coincidência, mas o mal estar que Carlos teve no dia em que esqueceu o bebê no carro, não. Segundo os médicos, pode ter sido um aviso do cérebro de que ele deixou de fazer algo importante.

“A percepção de uma tarefa não executada e que pode levar a graves conseqüências, isso leva o indivíduo a se sentir muito mal”, observa o psiquiatra Jair Mari. Os médicos dizem que falhas de memória são comuns para quem vive em grandes cidades e leva uma vida sobrecarregada.

O esquecimento hoje tem um peso maior do que teve no passado.

Segundo especialistas, há estudos que comprovam que pessoas submetidas a estresse têm a memória de fixação, que é aquela que armazena as coisas a curto prazo, muito reduzida.

O estresse diário e o acúmulo de função causam desconcentração e confusão na organização das pequenas tarefas.

Dicas do especialista:
Há maneiras de amenizar a correria. É necessário fazer pausas, almoçar com calma, parar em alguns momentos durante o trabalho, pensar positivo e, fundamentalmente, se planejar e organizar as tarefas de maneira clara e calma.

O bom humor é fundamental para uma vida feliz. Exercícios físicos auxiliam bastante a melhorar o humor.

O psiquiatra aconselha os homens a participarem, a se envolverem mais nos cuidados com os filhos.

Joel Rennó Jr é autor do livro Depressão e menopausa.

Gostou do texto? Você alguma vez já havia se perguntado o quanto é comum uma tragédia provocada por esquecimentos? Agora sabendo disso espero que você coloque mais atenção em tudo que fizer, memorizar é uma questão de foco!

Não esqueça de deixar seu comentário aqui abaixo e aproveite para conhecer o meu curso Memória Blindada no treinamento eu ensino a aplicação prática da memorização no dia a dia.

Nas videoaulas on-line eu explicado de maneira simples e objetiva, todas as estratégias que utilizo para não esquecer de nada. Definitivamente chega de esquecimentos, é sua hora de ter uma memória mais jovem, forte e confiável:

» Clique Aqui e assista alguns depoimentos de alunos do curso «

Para que você adquira ainda hoje o curso Memória Blindadaalém dos bônus eu ainda lhe ofereço uma garantia especial.

Eu acredito tanto na eficiência do meu método que desafio você adquiri-lo. Se em 7 dias, depois de aplicar o método, você  não notar melhoras, eu assumo total responsabilidade e devolverei 100% do seu investimento.

É isso mesmo, você compra e usa, se no sétimo dia notar que não fez efeito, entre em contato que lhe devolverei o seu dinheiro! Dessa forma você não corre nenhum risco. O que você acha? Clique aqui e saiba mais sobre o treinamento!

Renato Alves é escritor, pesquisador e primeiro brasileiro a receber o título oficial de melhor memória do Brasil. Autor de um método patenteado de memorização que ganhou reconhecimento nacional e já está presente em mais de 100 países.

Quer ter acesso a outras informações? Curta e siga a minha fanpage no Facebook e também inscreva-se no meu canal no Youtube.

Curso Memória Blindada

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *