A 3ª Guerra Mundial está a caminho: informação x cérebro!

Calma! A  3ª Guerra Mundial ainda não “estourou”. Assim, o que vou tratar aqui é a batalha diária do seu cérebro frente ao mundo tecnológico que vivemos atualmente. 

O batalhão de inovações tecnológicas que avança no mercado mundial em nossa direção é imenso. Eventualmente, para piorar, ele nunca vem sozinho…

As forças de colisão, que se disfarçam de redes sociais ou de diversos sites, estão crescendo em ritmo acelerado. Portanto um verdadeiro exército de informações cai sobre nossas mentes todos os dias, a cada segundo. O ataque é inevitável!

A 3ª Guerra Mundial do seu cérebro já está declarada! 

A dúvida é: Quem irá dominar quem primeiro?

Vamos voltar um pouco no tempo e tomar como o ‘Dia D’ da invasão cerebral por parte do volume de informação, o início do século 21, tudo bem? Decerto alguns dias depois do folclórico, “Bug do Milênio”.

Você consegue enumerar quais mudanças presenciou de lá para cá? Isto é, mudanças em todos os sentidos: tecnologia, conteúdo de entretenimento, serviços básicos de saúde, segurança, indústria, comércio, etc. Pode detalhar isso em poucas palavras?

Por exemplo: 

  • Quantos modelos de celulares foram lançados nos últimos 20 anos?
  • Quantos livros foram publicados neste período? 
  • E os filmes, quantas obras cinematográficas foram filmadas e veiculadas nos cinemas mundo afora?

Impossível mensurar, não é mesmo?

Mesmo se você abrir uma nova aba agora no seu navegador com a intenção de encontrar as respostas para as perguntas anteriores, dificilmente vai achar números precisos.

As grandes corporações de tecnologia, por exemplo, que se digladiam diariamente para ter sua atenção e disponibilizar mais um produto na palma da sua mão, se preocupam realmente com o que? Eles querem você como um aliado, cliente ou subserviente?

Nós somos os soldados nesta guerra. Ou seja, é por nossas mentes que sairá o vencedor. Portanto, a arma mais poderosa está dentro de cada combatente e só ele pode utilizá-la adequadamente!

O ponto de equilíbrio deste confronto moderno é você. O cérebro deve dominar as informações e você deve dominar seu cérebro! 

Ficou confuso? Vou explicar melhor!

A maior batalha do mundo contemporâneo é saber caminhar por todos os cenários existentes sem se perder. Mas afinal, quais são eles?

Sua casa, empresa, emprego, faculdade, estudos, família, finanças, escolhas, lazer, consumo, bem-estar e saúde. Esqueci de citar algo?

Enfim, simplesmente imagine todos estes assuntos juntos em um grande campo de batalha, onde cada movimento em falso pode ser desastroso.

Neste momento é que surge a necessidade de se dominar estratégias de combate, isto é, conhecer e aplicar métodos que possam minar possíveis inimigos com eficiência e sem desperdício de tempo. Qual general não pensa assim?

Você está convocado para a 3ª guerra mundial, portanto, prepare-se!

A comparação aqui é válida e ajuda a ilustrar o embate que há atualmente na questão de conciliar tantos afazeres e compromissos, junto das metas pessoais e profissionais.

Aliás, é tão válida, que durante a Guerra dos Bálcãs (sudeste europeu) na década de 1990, uma médica, de nome Ibolja Cernak, identificou vários soldados sobreviventes de inúmeras explosões nos campos de batalha que se queixavam de perda de memória, tonturas e até dificuldades para tomarem decisões simples e rotineiras.

Mais recentemente circularam notícias de que soldados americanos e ingleses que retornam das incursões em solo inimigo, mais precisamente Iraque e Afeganistão, apresentam queixas semelhantes.

Eventualmente, tal problema hoje é visto com muita atenção pelo governo americano que investe milhões de dólares em pesquisas sobre estes traumas provocados por ondas de choque e bombas de guerra.

São exemplos extremos como estes que nos levam a parar e pensar muito sobre como lidamos com tamanha evolução de oferta de dados que explodem em nossas memórias ininterruptamente.

Será que estamos sabendo conciliar tudo corretamente?

Estamos estimulando nossa mente e cérebro de forma adequada e precisa?

Diante de um contexto tão acelerado é que surge de maneira imprescindível alguns mecanismos capazes de reorganizar o batalhão de neurônios que está aí na sua cabeça, pronto para agir, mas que ultimamente anda disperso e sem um rumo a ser seguido.

os-métodos-são-grandes-aliados

As ferramentas de treinamento e fortalecimento da mente são uma alternativa viável para quem deseja além de qualidade de vida, agir de maneira mais eficiente, obtendo resultados precisos em suas ações e escolhas.

Por esse motivo, quero te apresentar o Estudo e Memorização!

Sendo referência quando o assunto é fortalecimento da mente e qualidade de vida, o Estudo e Memorização trabalha técnicas e estratégias que visam ajudar os mais necessitados a organizarem suas atividades, ganhando tempo e se lembrando de tudo que for necessário. O melhor? De maneira prática e direta!

Elaborado por meio de videoaulas, curtas e objetivas, afinal, é importante manter o estado de foco e concentração ativo, o Estudo e Memorização já ajudou milhares de pessoas em diversos países a alcançarem excelentes resultados em seus estudos, carreira e vida pessoal.

Por isso, não perca mais tempo e aproveite que ainda estamos no começo do ano, no início de uma nova etapa, e comece hoje mesmo a mudar sua estratégia de batalha. Vença essa guerra enquanto é tempo!

Clique aqui e conheça o Estudo e Memorização.

Ficou alguma dúvida sobre o tema, deseja falar sobre suas metas para este ano ou quer apenas conversar? Sinta-se à vontade para comentar, prometo que irei ler e responder todo mundo. 

Não se esqueça de compartilhar o artigo com seus amigos, familiares e conhecidos. Avise eles enquanto é tempo desta guerra que está para começar, faça com que eles também estejam prontos! Salvo que futuramente eles agradecerão. 

Viva bem. Lembre bem.

Prof. Renato Alves

Pesquisador cognitivo, autor do curso Estudo Memorização e dos livros O Cérebro com Foco e Disciplina e Não Pergunte se Ele Estudou. Conferencista e dono do título de Melhor Memória do Brasil.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *