Tudo sobre ansiedade: tire aqui suas dúvidas!

Tudo sobre ansiedade, tudo começa com uma simples preocupação:

“Tenho um concurso público daqui a uma semana”

Saiba tudo sobre ansiedade e seja feliz

Você alimenta esta preocupação e inesperadamente ela se transforma em angústia. Você sofre por antecipação e não consegue mais se concentrar nos estudos.

As horas passam e você sente dores de cabeça, os músculos das costas enrijecem e para completar a metamorfose, a angústia vira o monstro da ansiedade, que paralisa seus estudos, escraviza sua mente, toma conta dos seus pensamentos e bloqueia a sua memória.

A terapia cognitiva mostrou que de 80 a 90% dos nossos pensamentos são considerados inúteis, repetitivos, negativos, carregados de medo, preocupação, ansiedade.

Se sua cabeça está cheia de pensamentos negativos e você não consegue focar nos estudos é bem provável que você esteja ansioso. Para tratar desse problema de forma assertiva, é importante, antes, que se saiba tudo sobre a ansiedade e suas manifestações.

Muitas vezes, pequenas cobranças viram uma bola de neve na nossa mente, interferindo no nosso desempenho, nos tornando dispersos e estressados. Neste artigo, explicarei mais sobre esse transtorno e darei algumas dicas para que ele não interfira nos seus estudos e no desempenho da sua memória.

tudo-sobre-ansiedade-tire-aqui-suas-duvidas

Tudo sobre ansiedade: o que é, o que causa e quais os sintomas

É importante entender que todos estamos sujeitos à ansiedade, posso dizer que ela é um mal necessário, um estado mental que pode ser desencadeado por diversos fatores, como acidentes traumáticos, conflitos, choques intensos, estresse ou pressões diárias geradas por um padrão de pensamento, como uma preocupação com a prova de amanhã. A ansiedade se manifesta de formas diferentes em cada um.

Todo mundo fica nervoso ou ansioso ao falar em público, antes de realizar aquela prova tão esperada, começar no emprego novo ou diante de alguma dificuldade financeira, não é mesmo? São situações comuns que precisamos superar no dia a dia, porém, para algumas pessoas, a expectativa em torno delas se torna excessiva, acentuando algumas inseguranças e interferindo no bem-estar. É quando a ansiedade se torna frequente e começa a afetar negativamente nossas vidas que temos um problema.

A ansiedade é caracterizada como uma doença psíquica e passa a preocupar quando aparece na forma de fobias, ansiedade social, ataques de pânico, sudorese, dores de cabeça, tensões musculares, vertigens, náuseas, perda de voz súbita e sensação de medo constante.

Cadastre-se e receba dicas e materiais toda semana

Obrigado por realizar sua inscrição, acesse seu e-mail e confirme sua cadastro.

Além disso, ela pode se associar a outras doenças, como as cardiovasculares ou respiratórias, e prejudicar ainda mais a sua saúde física e psicológica. O consumo abusivo de determinados alimentos, como a cafeína, e de alguns medicamentos, como sedativos, alucinógenos e estimulantes, também pode influenciar e desencadear crises de angústia.

Ansiedade: uma das principais inimigas da memória

Quando não tratada, a preocupação excessiva, até com coisas banais da rotina, gera pensamentos nocivos que duram horas e, às vezes, dias. A angústia e a preocupação interferem em suas tarefas e afazeres, a fatiga aumenta e a sensação de incapacidade toma conta de você. É nesse momento que outro grande inimigo da memória aparece: o estresse. Juntos, eles promovem a liberação do cortisol, também conhecido como o hormônio do estresse, que, em excesso, atrofia o hipocampo, região do cérebro onde são processadas nossas lembranças e conhecimentos adquiridos.

Portanto, a ansiedade dificulta a concentração, o que, consequentemente, atrapalha a memorização. Você passa a esquecer coisas simples, como nomes de conhecidos, telefones, onde deixou suas coisas, além de se distrair com facilidade e se confundir frequentemente.

Como a ansiedade prejudica os seus estudos

Quando sua memória é afetada e você passa a ter dificuldades em aprender coisas novas e reter conhecimentos, isso afeta os seus estudos. O comprometimento com a vida acadêmica é reduzido, há um claro aumento da sensação de sobrecarga de conteúdo, sua autoestima diminui e o seu rendimento cai drasticamente. A situação de estresse só irá aumentar à medida que a pressão for crescendo.

E se você estabeleceu um plano de estudo e pretende realizar um concurso a fim de dar um passo a mais na vida e crescer financeiramente, sabe que que a ansiedade será a sua principal inimiga ao longo desse processo, porque além de provocar isolamento, desistência e, em casos mais graves, depressão, ela bloqueia a sua memória. Sem memória não há estudo que se sustente, não é verdade?

Mas não se deixe abater por essa situação, pois trago uma boa notícia para você: a ansiedade, por mais complexa que pareça, pode ser tratada.

ansiedade

Alguns passos simples para entender tudo sobre ansiedade

Se você percebeu que está ansioso e enfrenta problemas por causa disso, saiba que a solução está em ensinar ao seu cérebro a responder de maneira diferente às preocupações.

Determinação e persistência são fundamentais. Você também precisará rever sua rotina e a sua alimentação. Confira, abaixo, algumas dicas importantes para ajudar nesse processo:

Pratique exercícios físicos

Exercitar-se, correr, lutar, dançar ou malhar diariamente podem ser uma ótima válvula de escape para aliviar as tensões acumuladas e eliminar o estresse, pois além de distrair a mente, a prática de exercícios físicos libera endorfinas na corrente sanguínea e promove o bem-estar.

Valorize o seu sono

Pessoas ansiosas costumam ter insônia e acabam desperdiçando horas importantes de descanso premeditando eventos futuros, o que as deixa cansadas, irritadiças e indispostas no dia seguinte.

Por isso, evite cair nesse erro! Dormir bem, em média oito horas por dia, é essencial para a nossa saúde e para a consolidação do aprendizado ao longo do dia e retenção da memória.

Aprenda a relaxar

Quando estou ansioso e sinto que meu corpo entra em um estado de “lutar ou fugir”, tensionando os músculos, acelerando a respiração e os meus batimentos cardíacos eu imediatamente respiro fundo e relaxo todos os meus músculos.

Quando você está relaxado, acontece o contrário, portanto é impossível sentir os dois estados ao mesmo tempo. Algumas técnicas de relaxamento podem ser muito úteis para te ajudar a regular a sua ansiedade, como meditar, praticar yoga, respirar profundamente e alongar-se.

Adote uma alimentação saudável

Aprenda a se alimentar regularmente e de forma saudável. A alimentação tem papel importante contra a ansiedade e diversas outras doenças que podem te afetar.

É importante, como dito anteriormente, evitar cafeína e também cortar a ingestão de açúcar, que pode te deixar irritado e aumentar os níveis de preocupação. Procure ingerir produtos integrais, fibras e alimentos ricos em ômega 3, como peixes.

Outra dica importante é a inclusão de ervas na sua rotina. Você pode fazer chás de camomila, erva-cidreira, alecrim e passiflora, entre outras, que possuem efeitos calmantes, sedativos e terapêuticos no combate ao estresse.

Tire um momento só pra você

De tudo sobre ansiedade que pode ser dito, creio que ela piora quando nos deixamos sucumbir em preocupações e estresse.

Quando você sentir que sua rotina está corrida e agitada demais, que está ansioso, com dificuldades para estudar e se concentrar, ou que pensamentos catastróficos e negativos estão tomando conta da sua mente, tire um momento só para si.

Vá ao cinema, à praia, marque um passeio com seus amigos ou familiares, saia para dançar, leia um livro ou assista a uma série, não importa. Apenas faça algo que você goste e que te distraia. Isso é fundamental para te ajudar a relaxar e aliviar seus pensamentos.

Não é possível ter controle tudo sobre ansiedade, mas você pode, sim, dominar a sua mente e torná-la saudável e equilibrada. Se a prova é daqui a uma semana, então ao invés de ficar ansioso pergunte: O que posso fazer agora sobre isto? Com certeza algo dentro de você vai lhe mostrar o melhor caminho.

E agora que você entendeu tudo sobre ansiedade e como funciona esse transtorno, que tal se aprofundar um pouco mais no assunto e vencer de vez a ansiedade que paralisa?


Acesse abaixo a versão em audio deste post e faça o download para escutar as dicas do professor Renato Alves sempre que desejar.


Sucesso sempre!

Ps.1: Você sente dificuldade de memorizar e se lembrar de coisas do dia a dia? Gostaria de convidar você a conhecer o meu curso Memória Blindada.

Há mais de 20 anos ensino este método de memorização, que já está presente em mais de 100 países e tem 97% de avaliação positiva. Dê uma olhadinha nos depoimentos dos nossos alunos:

» Clique Aqui e assista alguns depoimentos de alunos do curso «

Nas videoaulas eu explico de maneira bem objetiva, todas as estratégias que utilizo para não esquecer de nada e me ajudaram a ganhar o título de melhor memória do Brasil.

Acredito tanto na eficiência do método que se em 7 dias você  não notar melhoras no seu nível de memorização, eu assumirei total responsabilidade e devolverei 100% do seu investimento. O que você acha?

Clique aqui e saiba mais sobre o treinamento!

Viva bem. Lembre bem.

Até a próxima.

Renato Alves é escritor, pesquisador e primeiro brasileiro a receber o título oficial de melhor memória do Brasil. Autor de um método patenteado de memorização que ganhou reconhecimento nacional e já está presente em mais de 100 países.

Ps.2: Quer ter acesso à outras informações? Curta e siga a minha fanpage no Facebook e também inscreva-se no meu canal no Youtube.

12 Comentários


  1. Esse artigo me ajudou mt, pois sofro mt com isso e me identifiquei com o que vc disse, isso ajuda msm, obrigado, sempre me ajudando Renato.

    Responder

  2. Faço tudo isso menos tirar um momento para mim isso é que ta difícil, mas não é sempre que me sinto ansioso é mais quando estou com algum problema para resolver de maneira geral não sou

    Responder

  3. Ansiedade é um mau que me persegue sofro muito com isso, já cansei de perder noites com isso! Uma coisa que tem me ajudado é uma caminhada logo pela manhã e um chá de valeriana ou camomila a noite antes de dormir. Acontece muito quando estou realizando algum projeto novo

    Responder

    1. Olá Souze,

      Obrigado pela sua dica sobre os chás, pode ajudar outras pessoas.

      Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *