Estude menos e seja aprovado mesmo assim

Você não leu errado, é isso mesmo que eu disse. Estude menos e seja aprovado mesmo assim, será que isso é possível. Confira!

Durante a preparação do livro O Segredo dos Gênios, compilei o resultado de entrevistas que realizei com os melhores estudantes e professores que conheci ao longo de 13 anos de carreira como mnemonista. Um dos meus objetivos era descobrir com quantas provas se faz uma aprovação e também saber quantas reprovações seriam necessárias para fazer um estudante desistir de seu sonho.

Foi importante constatar que os grandes campeões não alcançaram o topo na primeira tentativa. A maioria enfrentou várias reprovações antes de subir ao pódio. Uma estudante de medicina da USP, por exemplo, relatou que para conquistar sua vaga teve de digerir sete derrotas nos vestibulares. Também, uma promotora de justiça disse que tentou o mesmo concurso 22 vezes antes de assumir o sonhado cargo público. Um bacharel em direito, prestou nove vezes o exame da OAB para conseguir sua carteira. Perguntei a cada um deles: Quantas reprovações você suportaria antes de desistir do seu grande sonho? De todos, ouvi a mesma resposta: Quantas fossem necessárias.

Candidatos do Enem precisam cuidar da alimentação

O único caminho para quem não desiste é o da aprovação. Para isso é necessário ter boa memória e um dos mecanismos mais importantes para formação da memória humana é a repetição. É a memória de longa duração que registra assuntos com os quais tivemos mais contato. Por exemplo: uma lei que é estudada e revisada diversas vezes vai parar neste tipo de memória, que é capaz de durar muitos meses, anos, ou por toda a vida. Este mecanismo pode explicar porque o estudante que reprova, mas insiste, tem mais chance de ser aprovado.

Como assim estude menos e seja aprovado mesmo assim?

Pensemos assim: no primeiro concurso de sua vida você ficou muito tenso, teve lapsos de memória e foi reprovado. Conquistou apenas a desastrosa experiência do primeiro concurso. Mas insistiu e estudou com maior atenção seus pontos de dificuldade, aprendeu a reverter os brancos na memória que podem ocorrer durante a prova e ampliou o seu conhecimento. Na segunda tentativa não ficou tão nervoso, mas, novamente, foi reprovado. Você aumentou para dois o número de concursos no currículo.

Do ponto de vista da memória, ao contrário do que se pensa, o concurseiro reprovado terá que estudar menos a cada concurso que presta, pois retoma os estudos sabendo mais. Outro dado importante: a cada prova, ele ganha mais experiência, fica cada vez mais à vontade e isso ajuda a afastar o fantasma dos lapsos de memória.

Gosto de associar o concurso público a uma corrida de Fórmula 1. Nesta modalidade esportiva, se não houver nem uma batida, se não estourar o motor de nenhum dos carros, quem cruzará a linha de chegada? Resposta: Todos!

O mais importante para um concursando é nunca desistir. Desde que não lhe falte disciplina e ânimo, recomendo que durma tranquilo, pois estará trilhando o inevitável caminho da aprovação.

Um grande abraço


Você gostou do texto? Não esqueça de deixar seu comentário aqui abaixo e aproveite para conhecer o meu curso Estudo e Memorização no treinamento eu ensino a tudo que você precisa para ser aprovado naquele concurso ou vestibular dos sonhos. De maneira simples e objetiva em videoaulas on-line que você poderá assistir onde quiser, seja no celular, tablet, computador ou smart TV. Estou aguardando você na próxima turma e como incentivo por acreditar tanto na eficiência do meu método, além dos bônus eu ainda lhe ofereço uma garantia especial:

» Clique Aqui e assista alguns depoimentos de alunos do curso «

Se em 7 dias, depois de aplicar o método, você  não notar melhoras, eu assumo total responsabilidade e devolverei 100% do seu investimento. Dessa forma você não corre nenhum risco e tem a tranquilidade de investir num treinamento com risco zero. O que você acha? Clique aqui e comece agora mesmo.

Quer ter acesso a mais dicas? Curta e siga a minha fanpage no Facebook e inscreva-se no meu canal no Youtube.

Renato Alves é escritor, pesquisador e primeiro brasileiro a receber o título oficial de melhor memória do Brasil. Autor de um método patenteado de memorização que ganhou reconhecimento nacional e já está presente em mais de 100 países.

Curso Estudo e Memorização

2 Comentários


  1. não consigo menorizar ja fiz mais de 20 concurso eu agora que estou passando mais não sou classificado, pois estou muito longe

    Responder

    1. Olá, Francicleide. Que ótimo que já está passando, agora só falta melhorar a sua classificação. Verifique através do gabarito das provas, onde precisa melhorar e trabalhe isso.
      Abraço

      Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *