Memorização na Bienal do livro, foi ótimo!

Na última sexta-feira, 10 de Agosto, tive o privilégio de ser convidado pela equipe da Editora Gente para uma sessão de autógrafos e bate papo com os leitores na Bienal do livro.

Sessão de autógrafos na Bienal do Livro

Foi a minha segunda participação como autor em uma festa do livro do porte da Bienal de São Paulo. O evento deste ano extrapolou todas as expectativas dos organizadores e renovou as esperanças de escritores e das editoras. Esta nova geração de leitores se mostrou sedenta por consumir conhecimento através dos livros.

Quem puxou a fila esse ano não foram os grandes autores, mas os Youtubers. Sim, foram basicamente os garotos e garotas que exibem suas opiniões através de vídeos na internet que arrastaram multidões.

Cadastre-se e receba dicas e materiais toda semana

Obrigado por realizar sua inscrição, acesse seu e-mail e confirme sua cadastro.

A maioria estava lançando livros,  mesmo que algumas pessoas critiquem esse gênero e a qualidade desses jovens autores, o fato é que eles foram a porta de entrada de muitos outros jovens no universo dos livros.

Assim como muitos professores, executivos, cientistas e outras pessoas começaram suas carreiras de devoradores de livros lendo gibis e hoje, talvez, a porta de entrada desses novos jovens seja de fato os livros dos Youtubers.

Professor Renato Alves segurando o livro o cérebro com foco e disciplina entre outros
2ª vez de bienal do livro, só tenho a agradecer

A 25ª Bienal Internacional do Livro de São Paulo aconteceu do dia 3 até o dia 12 de Agosto de 2018, no Pavilhão de Exposições do Anhembi.

As principais editoras, livrarias e distribuidoras do país, apresentaram seus lançamentos para aproximadamente 700 mil pessoas.

Renato Alves autografando um livro para uma leitora
Eu estive na bienal no último dia 12 de agosto para uma sessão de autógrafo

Além da oferta de livros, a Bienal de São Paulo contou com uma programação cultural ampla mesclando literatura, gastronomia, negócios, cultura e educação.

Também tirei fotos com alguns dos participantes da feira
Também tirei fotos com alguns dos participantes da feira

Só para registrar, foi a primeira vez que um professor de memorização participou ativamente de uma feira desse porte. Mas é importante dizer que as estrelas da festa certamente foram outras.

Só para você ter ideia do time de feras que esteve presente na Bienal, veja a lista:

  • Mario Sérgio Cortela;
  • Luiz Felipe Pondé;
  • Renato Nogueira;
  • Maurício de Sousa;
  • Hélio de La Peña;
  • Nathalia Arcuri;
  • Lázaro Ramos;
  • Walcyr Carrasco;
  • Rafael Cortez;
  • Monja Coen
  • dentre outros…
Olha a estrutura que foi montada para a Bienal
Olha a estrutura que foi montada para a 25ª Bienal Internacional do Livro de São Paulo

Vale a pena também revisar aqui com você alguns números da Bienal 2018:

  • Quase 700 mil pessoas estiveram presente nos 10 dias de feira;
  • Foram 75 mil m² de área ocupada e 197 expositores;
  • Também 14 espaços culturais e 1.500 horas de programação;
  • O consumidor gastou 33% a mais que na Bienal de 2016;
  • 97% do público presente ficou satisfeito com o evento!
O Staff da 25ª Bienal Internacional do Livro de São Paulo caprixou na estrutura
O Staff da Bienal do Livro caprichou na estrutura

O stand da Editora Gente na Bienal, ficou lotado. Dos meus quatro títulos disponíveis, dois se esgotaram totalmente, O Cérebro com Foco e Disciplina e Como ter Memória Forte e Cérebro Sempre Jovem.

A Editora Gente (minha editora do coração) arrebentou na Bienal do Livro.
A Editora Gente (minha editora do coração) arrebentou na 25ª Bienal Internacional do Livro de São Paulo

Foi um enorme prazer participar dessa festa da cultura.

Nas próximas edições certamente estarei presente.

Não importa se você lê rápido, devagar, tem uma leitura convencional ou pratica leitura dinâmica. O fato é que ler transforma o cidadão.

Não poderia deixar de levar o meu filho a Bienal do livro
Não poderia deixar de levar o meu filho a Bienal

Acredito que um país só se transforma através da educação e educação inclui a leitura de bons livros.

Que tal pegar um livro e começar a ler?

Me conte aqui nos comentários qual é o título, ok?

Parabéns a toda equipe da Bienal 2018.

Parabéns a equipe da Editora Gente!

Até 2020!

Recomendação: Leia também o artigo sobre a Feira do Livro em São Joaquim da Barra

Renato Alves é escritor, pesquisador e primeiro brasileiro a receber o título oficial de melhor memória do Brasil. Autor de um método patenteado de memorização que ganhou reconhecimento nacional e já está presente em mais de 100 países.

Quer ter acesso a outras informações? Curta e siga a minha fanpage no Facebook e também inscreva-se no meu canal no Youtube.

4 Comentários


  1. Parabéns a você Renato, a editora Gente que disponibilizou um espaço para promover o autor Renato Alves e seus temas abordados, que são de utilidade pública e a equipe que promoveu o evento! Que pelos seus relatos aqui expostos, foi muito bem sucedida no seu intento!
    Em 2020 quem sabe nos encontramos na próxima bienal…
    Sucesso querido professor!

    Responder

  2. Prof. Renato já tem gente querendo comprar o meu livro com a sua assinatura…rs
    😉

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *