Eu disse e os cientistas confirmaram: Estudar pela manhã é melhor para o aprendizado

Estudar pela manhã é melhor para o aprendizado segundo cientistas, a prática traz resultados exponencialmente maiores do que as exaustivas jornadas noturnas.

Minha busca pela excelência de resultados em métodos de estudo e memorização já dura mais de 20 anos e desde o início pude experimentar pessoalmente e com meus alunos que estudar no período da manhã após uma noite de sono regular vale muito mais do que virar a noite estudando ou como alguns insistem: acordar durante a madrugada.

Muitas pessoas dizem que são mais produtivas à noite, mesmo após um expediente cansativo. Já outros – devido ao trabalho ou mesmo a cursos integrais como a medicina – culpam a falta de tempo e a organização, para poder se dedicar apenas no período noturno. No entanto, o cérebro, assim como nosso corpo, necessita de descanso e com uma rotina extenuante, raramente você conseguirá absorver adequadamente os conteúdos que mais necessita.

Porque estudar pela manhã é melhor para o aprendizado

Cientificamente falando, o cérebro, durante a noite, libera um hormônio chamado melatonina que basicamente é responsável por nos induzir ao sono. Para que essa substância cumpra com o seu papel, basta estarmos relaxados, em um ambiente de pouca iluminação, dessa maneira o corpo começa a sentir os efeitos em minutos. Portanto, se você sente sonolência quando o ambiente reúne essas condições é perfeitamente normal, mesmo se abastecendo de café, chá, Coca-Cola ou outros produtos com base na cafeína, como muitos estudantes fazem.

É óbvio que pessoas são diferente uma das outras e reações orgânicas que não compactuam com as das descrições acima são exceções e o mundo – na maioria das vezes – não é regido por essa norma, correto?  Só porque a jornada rumo à aprovação em concursos e vestibulares requer – quase sempre – um ´´algo´´ a mais não significa que você tem que se ´´matar´´ e sim se planejar.  Portanto, que fique claro: ter um sono desregulado e interrupto pode causar perda de foco e concentração, além de aumentar significativamente o déficit de atenção. Lembre-se que a memória quando está no modo stand-by, recicla e processa o armazenamento de informações sem sobrecargas desnecessárias.

Outro aspecto afetado negativamente após um descanso incompleto, é a capacidade de assimilação de ideias. Isso aparece, por exemplo, quando você vai iniciar a leitura de um material e ao final de cada parágrafo sente que tem de voltar ao começo várias vezes para não se confundir e então compreender o conteúdo do texto. Muitas vezes, inclusive, acaba de ler um parágrafo e dá um branco na memória, não se lembra de nada. Isso já aconteceu com todo mundo!

Tudo novo, de novo. Amanhã é um outro dia!

O período matinal é o momento em que seu cérebro está ‘recarregado’ e ativo, fazendo com que os neurônios funcionem de forma muito mais eficiente. Além disso, é durante esta parte do dia que o cortisol, hormônio responsável pela sensação de prazer, bem-estar, ação e controle do estresse, é liberado no organismo e permite que você tenha mais disposição. Desta maneira, você se sentirá mais preparado para encarar uma jornada diária de estudos. Verá que se tornará algo mais atrativo, prazeroso e eficiente.

Atualmente estou também  estudando filosofia e uma parte dos estudos indica que o estruturalismo é importante demais em todas as coisas que nos propomos a fazer. Logo, vai arrumar um aparelho? Coloque na bancada correta, use a chave Phillips ao invés da faca de manteiga. Não faça gambiarras se o seu objetivo é a vitória, a excelência! Decidiu estudar, passar em concurso?

Estude mais que os outros, planeje, busque exemplos e assessoria qualificada e ganhe tempo. Não é difícil concordarmos portanto que o ambiente influencia demais no seu rendimento com os estudos, a leitura e a retenção de conteúdos. Busque um local arejado e iluminado, uma mesa organizada. Deixe o celular desligado ou do lado de fora do local dos estudos. A luz branca desperta nossa mente e a coloca em ação por mais tempo. A luz amarela nem tanto. A ecologia e a economia de dinheiro são mais dois motivos excelentes para você adotar as manhãs como seu momento ideal para estudar: abra as janelas e aproveite a luminosidade natural, desde que haja silêncio na rua, é claro.

Aprenda a regular seu relógio biológico

Eu e minha equipe, aprendemos com milhares de estudantes e concurseiros que passaram por nossas fileiras – alguns aprovados em 2, 3 concursos – que participar dessas jornadas com o mínimo de competitividade requer uma compenetração maior do que a maioria dos concorrentes imagina.

Preparar-se, utilizando todos os conhecimentos possíveis e ferramentas ao seu redor é fundamental para ter sucesso neste desafio que pode significar para muitos a estabilidade financeira de uma vida. Entretanto, conhecer mais sobre nossas capacidades e como o corpo reage a certos estímulos diante deste tipo de pressão é também benéfico e muito importante. Nosso organismo funciona dentro de seus limites e respeitá-los é primordial, pois sucesso mesmo é ter saúde, como não cansa de dizer a minha mãe.

Recentemente, essa questão de estarmos mais ´´ligados´´ pela manhã, ganhou destaque em várias publicações, principalmente depois que três pesquisadores norte-americanos, Jeffrey C. Hall, Michael Rosbash e Michael W. Young, faturaram o Prêmio Nobel de Medicina. A pesquisa a respeito do nosso ‘relógio biológico’ revela os mecanismos moleculares que monitoram o chamado Ritmo Circadiano.

Através de um experimento usando Moscas-das-frutas, os estudiosos conseguiram isolar um gene que controla o ritmo biológico normal. Mostraram ainda como esse gene codifica uma proteína que se acumula na célula durante a noite, mas que se degrada ao longo do dia.

A primeira pista da existência do ciclo circadiano, ou relógio biológico, surgiu no século 18, quando o astrônomo francês Jean-Jacques d’Ortous de Mairan observou plantas do gênero Mimosa, cujas folhas se fecham ao anoitecer e se abrem ao amanhecer. O cientista descobriu que, mesmo se fossem colocadas por vários dias no escuro, a planta continuava seu ciclo diário, murchando à noite e ‘acordando’ pela manhã. Isso indicava que elas tinham um relógio interno. Olha como é fácil fazer as crianças se interessarem pela ciência! Muito legal a descoberta das coisas através dessas pespectivas simples que podem ser experimentadas por todos, independentemente da classe social, origem, gênero ou país em qualquer sala de aula, não é mesmo?

Relógio Biológico
O Ciclo Circadiano ilustra de maneira soberba como podemos monitorar de forma mais detalhada os horários de funcionamento do nosso corpo.

Voltando a equação sono x eficiência, cada um de nós carrega um sistema complexo de controle de ritmo e a cada exigência externa uma ação é desencadeada. Por exemplo: Se está previsto para a temperatura cair durante a tarde, automaticamente nosso relógio se antecipa e programa o corpo para que este aumente sua temperatura interna, causando uma sensação de bem-estar. Da mesma maneira que estes mecanismos podem nos deixar mais ativos de dia e menos alertas a noite.

Assim como na guerra rumo à aprovação, nosso relógio biológico tem suas próprias batalhas a serem vencidas, pois coordena diversas funções críticas. Um exemplo clássico é quando viajamos para lugares com fuso horários  distantes da nossa realidade cotidiana. Sei bem o que é isso, pois viajei para mais de 250 cidades, para algumas diversas vezes, em um intervalo de 10 anos ministrando palestras sobre estudo e memorização por todo Brasil e também no exterior. O chamado jet lag, atinge nosso organismo como um míssil, causando distúrbio temporário do sono entre muitos outros sintomas indesejáveis.

Cadastre-se e receba dicas e materiais toda semana

Obrigado por realizar sua inscrição, acesse seu e-mail e confirme sua cadastro.

Noites em claro deixam distantes suas chances de aprovação em processos seletivos

O sono é tão vital para que nossa saúde se mantenha em dia quanto os alimentos que ingerimos e o ar que respiramos. Sim, é verdade. Você já leu aqui que uma noite tranquila de descanso proporciona só coisas boas, não é? Para mim, o sono é definitivamente uma espécie de bateria do nosso relógio biológico, ou, ciclo circadiano como queira. Mas atenção hein? Dormir demais também não é nada benéfico!

Não quero finalizar o texto com uma notícia ruim, mas atenção: Pesquisa realizada pela Universidade de Wisconsin, nos Estados Unidos, concluiu que a má qualidade do sono pode ajudar no desenvolvimento do mal de Alzheimer. Isso mesmo. Preocupante, não?

Testes em algumas pessoas com dificuldades para dormir revelaram que as mesmas possuem mais marcadores biológicos (indicadores de alguma disfunção) para a doença no líquido cefalorraquidiano – que atua como amortecedor para o córtex cerebral e a medula espinhal – sendo que, durante o descanso correto, a capacidade do cérebro de eliminar essas toxinas aumenta consideravelmente.

Alguns outros prejuízos como índice alto de estresse, ansiedade, depressão e até problemas de pele são reflexos de uma noite ruim de sono, pois o metabolismo quando afetado desregula totalmente a liberação de hormônios.

Creio que depois de ler este texto, você irá organizar melhor o seu dia a dia para que corpo e mente trabalhem em sintonia a favor da sua qualidade de vida. Desta forma, acredito que seus objetivos serão plenamente alcançados.

No Estudo e Memorização, curso com mais de 50 mil alunos inscritos, eu lhe ensinarei de maneira simples e prática, tudo o que você precisa para se dar bem nos estudos. As aulas por serem on-line, podem ser assistidas facilmente no seu celular, tablet, computador ou Smart TV.

Eu acredito tanto na eficiência do meu método que além dos bônus eu ainda lhe ofereço uma garantia especial.

» Clique Aqui e assista alguns depoimentos de alunos do curso «

Se em 7 dias, depois de aplicar o meu método, você não estiver mais concentrado nos estudos, memorizando com mais facilidade as matérias, eu assumo total responsabilidade e devolvo 100% do seu investimento. Clique aqui e comece agora o mesmo!

Renato Alves é escritor, pesquisador e primeiro brasileiro a receber o título oficial de melhor memória do Brasil. Autor de um método patenteado de memorização que ganhou reconhecimento nacional e já está presente em mais de 100 países.

Quer ter acesso a mais dicas? Curta e siga a minha fanpage no Facebook e inscreva-se no meu canal no Youtube.

Curso Estudo e Memorização

6 Comentários


  1. Muito bom! Segunda-feira eu começo estudar para os vestibulares de 2021. Vou dormir oito oras por por dia e tentar estudar dez por dia. Pretendo intercalar as matérias de duas em duas horas. Acordar às 6, tomar café, ler notícias e começar os estudos às 7.

    Responder

    1. Com muita dedicação você irá longe. Boa sorte em sua jornada!

      Responder

  2. Seu trabalho é ótimo Renato.
    Já fiz o curso .
    Simplesmente transformador.
    Vou reiniciar meus estudos para concursos agora em junho e tenho certeza que vou adquirir resultados.
    Um abraço e obrigada.

    Responder

    1. Olá, Marcia. Obrigado, que ótimo que tenha gostado, quando for aprovada num concurso público me de um toque.
      Abraço

      Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *